Páginas

segunda-feira, 26 de dezembro de 2011

Tomate (Solanum lycopersicum)

Família: solanáceas

A maioria dos botânicos atribui a origem do cultivo e do consumo (e mesmo a seleção genética) do tomate como alimento à civilização inca do antigo Peru, o que deduzem por ainda persistir, naquela região, uma grande variedade de tomates selvagens e algumas espécies domesticadas (de cor verde) conhecidas apenas ali.

Estes acreditam que o tomate da variedade Lycopersicum cerasiforme, que parece ser o ancestral da maioria das espécies comerciais atuais, tenha sido levado do Peru e introduzido pelos povos antigos na América Central, posto que foi encontrado amplamente cultivado no México.

Outros estudiosos acreditam que o tomate seja originário da região do atual México, não apenas pelo nome pertencer tipicamente à maioria das línguas locais (náuatles), mas porque as cerâmicas incas não registaram o uso do tomate nos utensílios domésticos, como era costume. Os primeiros contestam tal objeção, pelo fato de que muitas outras frutas e alimentos dos incas também não foram representados nas cerâmicas.

O tomateiro é uma planta fanerógama, angiosperma e dicotiledônea. Trata-se de um fruto, uma vez que é o produto do desenvolvimento do ovário e do óvulo da flor, formando o pericarpo e as sementes, respectivamente, após a fecundação. Popularmente, no entanto, não há consenso entre sua classificação como fruta ou legume.

O tomate é rico em licopeno e contém vitamina C.

Fonte: wikipedia

5 comentários:

Sansoni7 disse...

Olá
A propósito de México e Américas lembrei-me de uns «tomatinhos especiais»...o Tamarilho e o Physallis.
Claro que conhece, mas pergunto, também cultiva estas espécies?
Cumprs
Augusto

João Gomes disse...

Só physalis. Tenho 3 plantas, duas dão frutos doces e a terceira muito azedos. Tomatilho nunca tive mas conheço.
Cumps
João

Sansoni7 disse...

Viva

Tem que ter uma árvore de Tamarilho...se tiver em local solarengo os frutos são muito bons....

Physalis tenho alguns; este ano plantei no quintal...quero ver a diferença dos frutos.

Cumprs
Augusto

Cumprs
Augusto

João Gomes disse...

Viva Augusto.
Já vi o tamarilho mas não tenho. É um caso a pensar, sabe o que eu gostava de arranjar, Alcaparras, mas já semei 3 vezes e nunca nascem.
Obrigado
Abraço
João

Sansoni7 disse...

Olá

Alcaparras.....?!

Nem conheço nem posso ajudar. :-(

Cumprs

Augusto

...Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

O que acha deste blog?